Hotel Intercontinental Montréal – Decoração Vitoriana

Postado por: Manu Mitre
16 de August de 2010

Como falei na semana passada, fiquei hospedada em um hotel bem bacana em Montreal – o Intercontinental. O edifício era a casa de Nordheimer, fabricante de pianos no início do século XX, e foi totalmente restaurado.

Esta é a fachada do Hotel, de frente para uma pracinha gostosa.

A herança da era Vitoriana foi lindamente aproveitada: madeiras e tecidos luxuosos, pisos e tetos artisticamente decorados e mosaicos célticos.

Esta é a parte mais histórica do hotel, você se sente realmente num palácio.

teto de gesso

E aqui o teto do ambiente anterior, cheio de detalhes trabalhados em baixo relevo. A luminária é uma antiguidade.

Mas a decoração dos quartos e demais ambientes utilizou o estilo Vitoriano como inspiração para um design bem moderno.

As linhas rebuscadas ficaram mais limpas e sinuosas. O tapete redondo tem tudo a ver com o resto do ambiente.

mesinha moderna

A mesa de centro num formato orgânico conversa com os sofás aveludados que parecem te abraçar. As almofadas de seda e bordadas, um luxo. Repare na mesinha de madeira, com um pé todo trabalhado. Total releitura moderna do estilo Vitoriano.

Na recepção, blocos luminosos fazem as vezes de parede esculpida.

No caminho para o elevador, uma parede de madeira coberta de retratos estampados em pratos. Nada mais moderno. E a luminária lembra os grandes lustres de cristais.

porta casaco

A entrada do restaurante tem uma parede divertida, pronta para segurar seu casaco, literalmente.

Mas o interior do restaurante volta para a as luminárias de cristais, muitos, lindos e coloridos

O bar ao lado do restaurante é sensacional. Olha essa salinha quase particular. Uma destas tem até cortina para garantir mais privacidade. As costas altas das cadeiras e as paredes em capitonê de seda reforçam o conceito.

circulos

Além das luminárias mais clássicas, o hotel está recheado de luminárias como esta, super moderna e com linhas circulares.

Nos corredores, o tapete mantém a linguagem de curvas abstratas, quase florais.

E finalmente o quarto. Cortina pesada, carpete fofinho, e a cor vinho mantêm a linha de design do restante do hotel. Repare na importância que foi dada à parede da cabeceira, a simetria entre os criados e o uso de abajures para dar um clima mais romântico. A cama é super alta, com cabeceira acolchoada de couro branco, fazendo par com o banco.

Aqui alguns detalhes importantes. O papel de parede era todo texturizado, com algum brilho, dando ainda mais charme ao luxuoso apartamento. A luminária de leitura é discreta, super funcional mas sem atrapalhar a proposta visual do restante do ambiente. E o acolchoado da cabeceira é de capitonê - luxo de novo.

Outro detalhe que eu adorei foi o pé do abajur, com tomada embutida. Atende às necessidades modernas sem comprometer o ar Vitoriano.

Resumindo, adorei a decoração deste hotel. O conceito proposto é muito interessante e conseguiram executá-lo muito bem. Fazer um hotel Vitoriano e ao mesmo tempo moderno não é tarefa fácil.

Hotel Intercontinental Montréal

Add to Facebook Add to Twitter

Categorias: Arquitetura, Decoração, Hotel Design
Veja Também
  1. GiLeal76
    12/09/2010

    Amei o quarto vinho!!! vou me inspirar nele pra decorar o meu! Minha parede da cabeceira eu pintei de tomate seco… :D

    O Blog tá lindo Manu!! adorei!

    bjs